NOTÍCIAS

São José recebe a primeira oficina do PLAMUS voltada para a sociedade civil


02/04/2014

O município de São José receberá, no próximo dia 5 (sábado) no CATI - Centro de Atendimento a Terceira Idade, a primeira oficina do PLAMUS – Plano de Mobilidade Urbana Sustentável da Grande Florianópolis, destinada à sociedade civil. As atividades terão início às 9h e pretendem identificar os principais desafios da cidade de São José, trazendo soluções planejadas dentro das necessidades locais.

De acordo com Daniely Votto, gerente de Relações Estratégicas da EMBARQ Brasil e uma das responsáveis pela oficina, a metodologia aplicada, conhecida como ZOPP, irá servir de base para as atividades programadas, envolvendo os representantes comunitários, organizações não governamentais e demais participantes. O consultor em Processos de Participação Social, Helio Costa, conduzirá as atividades junto à comunidade para possibilitar o diálogo com as entidades que representam São José.

Durante a oficina, haverá a exposição dos objetivos e conceitos de Mobilidade Urbana e a formação dos chamados stakeholders, pessoas e grupos interessados no planejamento e nos estudos realizados pelo PLAMUS. Ainda pela manhã, será realizada uma análise para definir os problemas detectados no município. No período da tarde, as atenções estarão voltadas para a construção das “árvores” de problemas e de objetivos, além do plano de ação. A programação será encerrada às 16 horas, com a apresentação dos resultados, leitura das perspectivas e uma avaliação geral do evento.

O Secretário de Planejamento e Gestão Orçamentária da Prefeitura de São José, Bernardo Meyer, diz acreditar na importância de encontros como este. “A participação dos gestores e da sociedade civil nesta etapa do PLAMUS é de grande importância, principalmente porque ela traz subsídios que vão permitir aos técnicos tomarem as melhores decisões em relação às proposições para os 13 municípios envolvidos”. Meyer espera, ainda, que a comunidade seja bastante ativa neste processo e esteja disposta a se beneficiar de todo o trabalho técnico do PLAMUS em termos de mobilidade e planejamento urbano.


Sobre a metodologia

A Metodologia ZOPP – Planejamento de Projetos Orientados para Objetivos e Planejamento Comunitário Interativo é de origem alemã. A abordagem funciona como fonte no exercício de identificação de problemas e estruturação de soluções apropriadas. Dentre os procedimentos, estão atividades interativas, como o desenho de “árvores” nas quais se adicionam, como frutos, palavras-chave que representam os problemas a serem enfrentados. Os galhos vão desenhando as relações entre um problema e outro. Desta forma, chega-se a uma representação graficamente organizada das questões, resumindo e estruturando os principais elementos dos problemas enfrentados e suas ligações lógicas. Esta é uma base didática importante para orientar os debates entre os participantes, facilitando o planejamento das soluções adequadas. Através da metodologia ZOPP estuda-se a causa e procura-se construir as soluções de forma participativa.

Ajude a construir uma mobilidade mais sustentável para São José! Faça já sua inscrição enviando um email para participe@plamus.com.br com as seguintes informações: Nome completo, oficina de interesse, e-mail, telefone. A organização do evento oferecerá alimentação durante as atividades.

As próximas oficinas de participação social ocorrem com entidades de:
- 26/4 - Biguaçu, Antônio Carlos e Governador Celso Ramos
- 10/5 - Florianópolis
- 17/5 - Palhoça, Águas Mornas, Angelina, Anitápolis, Rancho Queimado, Santo Amaro da Imperatriz, São Bonifácio e São Pedro de Alcântara

SERVIÇO

Oficina do PLAMUS – São José
Data: 5 de abril de 2014
Horário: das 09h00 às 16h00
Local: Centro de Atenção à Terceira Idade (CATI) - Av. Beira Mar de São Jose, s/n
Próximo ao Bistek - Bairro Kobrasol - Distrito Sede - São José - SC


COMPARTILHE

Consórcio

Comunicação e Participação Social

Pesquisas

Cooperação Técnica

Estudo de Mercado

Transporte não-motorizado

© PLAMUS 2013 - Comtacti